REFORMA PROTESTANTE – 499 anos

Por muitos anos, a Igreja caminhou por trevas. Os historiadores são unânimes em dizer que essa decadência começou por volta do século IV quando o Imperador Constantino, não podendo deter a Igreja, se aliou a ela. Esta foi a entrada da apostasia na Igreja. E isto foi ficando cada vez mais grave, indo até por volta do século XIII. Este período é conhecido também como “Idade das Trevas”. Mas, o Senhor sempre teve, como sempre terá seu remanescente fiel, que não se curva “ante a baal” e faz parte de um pequeno número.
Antes de eclodir ou acontecer o marco da Reforma em 31 de outubro de 1517, quando no fim da tarde Martinho Lutero afixou as 95 Teses na Capela de Witemberg, vários pré-Reformadores foram mortos por esta mesma causa entre 1300 a 1500 D.C.
Na verdade, 31 de outubro de 1517 foi o marco histórico da Reforma. Todavia, a Reforma prossegue com o Movimento Puritano (este é outro tema). Mais que isto, a Reforma Prossegue!


Em Atos 3.21, temos a Palavra que o Senhor somente Voltará após a “Retauraçao de Todas as Coisas”.

“Convém que o Céu O contenha até os tempos da Restauração de todas as coisas, dos quais Deus falou pela boca de todos os Seus santos.”

Essa Restauração é tão somente a volta da Igreja Primitiva, só que em Plenitude Maior. SERÁ TOTAL! Esta Plenitude corresponde a Noiva de Cristo, a Sua Igreja sem “mancha ou ruga”, exatamente o que temos em Apocalipse 19.1-9. A Noiva adornada significa Noiva Santa com a “lavagem da palavra”.
Muito se tem falado sobre Restauração em termos de “formas” e “estruturas”. NÃO! Restauração é restauração da santidade de Jesus na Igreja e da Igreja. Esta é a Última fase da Reforma que está chegando: conhecimento e piedade.
Em 1996, ouvi um servo de Deus fazer a seguinte declaração: “A piedade sem o conhecimento é fatalismo, o o conhecimento sem piedade é legalismo”.

Recordemos os pilares do início da Reforma em 31 de outubro de 1517… 499 anos da Reforma (ou do seu início…):
. Em meio à tirania da sabedoria mundana, permaneçamos na Escritura somente.
SOLA SCRIPTURA
.Em meio à opressão da auto-ajuda, permaneçamos na Graça somente.
SOLA GRATIA
. Em meio ao jugo da religiosidade, permaneçamos na Fé somente.
SOLA FIDE
. Em meio à manipulação dos falsos senhores, permaneçamos em Cristo somente.
SOLUS CHRISTUS
. Em meio à idolatria do eu, permaneçamos em glorificar a Deus somente.
SOLI DEI GLORIA

Romanos 11:33-36

Paz!